Ama e Espera


Emudece o teu pranto. Cala o grito
De revolta na dor que te encarcera...
Por mais negra, mais rude, mais sincera,
A magoa estranha de teu peito aflito.

Em toda a Terra há lágrima e conflito,
Ruínas do mundo que se desespera...
Ama e sofre, trabalha e persevera
Na esperança de paz e de infinito.

Peregrino de campo atormentado,
Rompe os elos e as trevas do passado,
Fita a luz do porvir resplandecente...

Muito além do terrível sorvedouro,
Nas estradas liriais de acanto e louro,
O sol do amor refulge eternamente.


Chico Xavier .
Do Livro: Relicário de Luz.

Marcadores: | edit post
0 Responses

Postar um comentário

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina
  • About Me

    Minha foto
    Aparecida Camilo
    Uma mulher que busca todos os dias me tornar uam pessoa melhor.
    Visualizar meu perfil completo

    Followers

    Estatísticas

    Adicionar aos Favoritos BlogBlogs